A equipe LSM deseja um Feliz Ano Novo!


Olá leitores, tudo bom?


É, mais um ano se termina e quanta coisa aconteceu, não é mesmo? Tantas reviravoltas, tantas idas e vindas, tantos sorrisos, mas também tanto choro e desespero. O que você fez pra ser melhor esse ano que se foi? Conquistou seu objetivo ou ficou o ano inteiro prometendo que faria e ficou sentado esperando acontecer tudo da noite pro dia? É, a vida não é fácil, e a cada dia ela nos demostra isso. Cabe a nós moldá-la e modifica-lá da nossa maneira. 

E é com essa reflexão, que hoje, a equipe LSM (Leitores e Suas Manias) vem compartilhar histórias, livros marcantes, datas especiais, e principalmente, felicidades àqueles que nos acompanharam neste ano tão maravilhoso e cheio de surpresas. 



• Blogueira: Juliana Avelino

Acho que deveria falar em como eu queria ter sido mais presente no blog este ano. Os problemas apareceram, o curso chegou ao fim, uma vaga de emprego apareceu, o fim do namoro de anos, uma prova para a faculdade dos sonhos apareceu, e o meu sonho de leitora desapareceu. Foi se afundando em meio à tantas coisas que eu precisava por em ordem. 
E agora que a poeira passou, percebi o quanto eu fui burra em pensar que me afastando do blog e de todas as outras coisas que eu amo, me fariam melhor. Mais foi ao contrário! Foi quando voltei a escrever, a me dedicar aos livros, a ouvir minha banda favorita no último volume e cantar ainda mais alto que percebi o quanto eu ainda tenho pra viver. E pra isso eu preciso fazer o que eu gosto. Sempre! 
Esse ano, não cheguei nem perto de bater minha meta de leitura (50 leituras no ano), não comprei/ganhei tantos livros e nem coloquei em dia os que eu ganhei no ano passado. Queria que tivesse sido um ano mais proveitoso, mas infelizmente não consegui. E por isso, essa será minha meta para 2016: 

- Ser feliz
- Adorar a Deus
- Ser feliz
- Comprar livros
- Ser feliz
- Viver pra Deus e ser feliz

Pode parecer pouco, mas essa é a base para um ano novo cheio de surpresas. E é isso que eu desejo para cada um de vocês, que mesmo com poucas novidades, continuaram nos acompanhando e transmitindo muito carinho. Que Deus possa realizar todos os seus sonhos! Ele nos ama muito! 

FELIZ ANO NOVO e muitos livros inesquecíveis à todos! 


Um beijo de toda a equipe ❤️ 
(Lília, Amanda e Jú) 


{Dezembro} Leitura Diária

Oláaaaaaaa leitores, tudo bem com vocês? Ganharam muitos livros nesse Natal? 


Hoje é dia de compartilhar com vocês a leitura da semana que mais me tocou e que merecia ser dividida. 

Encontrei esse texto no facebook (Não me lembro do nome da página agora), e fiquei admirada com sua simplicidade. Espero que ele fale com vocês da mesma forma que falou comigo. 

"Se o cara te ama ele vai pegar na sua mão, na sua coxa e na sua bunda. Ele vai borrar o teu rímel e seu batom de propósito e depois vai rir da sua cara. Vai te ligar de madrugada e dizer que não para de pensar em você, porém vai ter um dia que ele não vai te ligar, não vai mandar mensagem e vai te deixar preocupada. Vai te elogiar quando estiver bem arrumada, mas vai rir quando ver seu rosto ao acordar de manha. Vai te chamar de “Minha pequena, “Minha linda”, “Minha princesa” e também de “Minha gostosa”. Ele pode até falhar e te fazer chorar, mas assim como você ele não é perfeito. Ele vai largar das outras pra ficar contigo, mas quando passar uma menina bonita, ele vai olhar ainda comentar contigo: “Gostosa, né?” só pra te deixar com ciúmes, porque adora ver você com cara de brava."
—  Autor Desconhecido.

Sei que alguns de vocês já devem ter visto ele antes, mas precisava deixá-lo registrado aqui. 

Bom gente é isso. Espero que tenham curtido, e se você tiver um texto babaca que queira compartilhar, basta nos comunicar e quem sabe na próxima o seu texto não seja publicado aqui!! 

Um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo! 

Beijos da Jú ❤️



Notícia: Continução de Como Eu Era Antes de Você - Jojo Moyes

Olá leitores, como estão? Espero que bem. E espero que fiquem muito melhor com essa notícia maravilhosa !!

Alguém aqui é fã da querida Jojo Moyes? Sabemos que ela tem vários livros arrasantes, muitos que nos fizeram rir e chorar. A mais nova da nossa querida Jojo é a continuação do livro Como Eu Era Antes de Você. Isso mesmo, leitores, saberemos que rumo a vida de Lou tomou.

“Eu não tinha planejado escrever uma continuação. Mas trabalhando no roteiro da adaptação de Como eu era antes de você para o cinema e lendo o grande volume de tweets e e-mails todos os dias com perguntas sobre o que Lou fez da vida, percebi que os personagens nunca me deixaram”, explica Jojo.

Com essa "pressãozinha" Jojo fez uma continuação, onde Lou trabalhará como garçonete em um pub no aeroporto. Após um terrível acidente ela é obrigada a voltar para casa de sua família, mas algo de bom o acidente lhe dá, ela conhece um paramédico, Sam Fielding, que lida com a vida e a morte o tempo todo, a única pessoa capaz de compreende-la tão bem.
Lou ainda não superou a morte de Will, mas sabe que precisa dar um gás em sua vida, com isso, ela entra em um clube de terapia de luto. Onde conhece pessoas que passaram por coisa parecida, compartilham risadas, frustrações e acima de tudo, apoiam uns aos outros.

Espero que Lou consiga superar a morte de Will, e que as coisas deem certo para ela, afinal, essa guerreira merece. Batalhou á beça em Como Eu Era Antes de Você para ter seu querido Will por perto.

O livro tem previsão de lançamento para o dia 15 de fevereiro de 2016.

Mais informações no site oficial da escritora: http://www.jojomoyes.com/books/after-you/ (conteúdo em inglês)
Capa Original

E para os fãs de Como Eu Era Antes de Você...  O filme está com previsão de lançamento para o dia 18 de março de 2016, mas as gravações já começaram em Abril desse ano.
Teremos como Will Traynor o querido Sam Claflin (Finnick Odair em Jogos Vorazes - Em chamas), e como Louisa Clark ( Daenerys Targaryen em Game Of Thrones). Como Patrick- o corredor-teremos Matthew Lewis (Neville Longbottom em Harry Potter).

 Abaixo algumas fotos das gravações:




cena: A dança na festa de casamento


Beijos, Amanda.<3





Resenha: A Menina que não sabia ler Vol.2

Olá leitores, voltei.. e dessa vez trouxe a resenha de um livro que não gostei. Mas como cada um tem sua opinião, deixarei aqui  a minha e espero poder ler a de cada um.


A menina que não sabia ler Vol. 2 diferente do que imaginei, não relata o que ocorre a Florence depois que ela pega o trem no final do Vol. 1. Começa relatando a vida de um homem que carrega um tremendo mistério. Durante sua viagem de trem, algo extremamente impossível acontece livrando-o de seu destino. Dando-lhe a chance de recomeçar.

"Um acidente de trem.
Uma identidade trocada."

Assim que chegou na Ilha, Dr. Shepherd foi levado para seu novo aposento por uma mulher de cara nada amigável que informou que em breve seria atendido pelo Dr. Morgan, o chefe daquele hospital. Assim que foi deixado só, Shepherd olhou pela janela o local no qual se metera, uma ilha... não uma qualquer, uma ilha que funcionava como uma clínica psiquiátrica exclusivamente para mulheres.



Morgan é um homem baixinho, que gosta de manter todo seu negócio em ordem e em plena calma. Mesmo que as vezes as internas não permitam a calma reinar pelo hospital. Ao contratar o dr.Shepherd para o cargo, eles entram em um pequeno conflito sobre o modo como Morgan trata as internas. Shepherd tem uma teoria que a calma, o amor, poderá trazer a sanidade aquelas mulheres. O Tratamento Moral ao qual Shepherd queria dar a elas era negado por Morgan, até que um dia ele concede que ao dr. Shepherd pegue uma das internas como cobaia e teste suas teoria. O modo desafiador de Morgan deu a Shepherd mais vontade de conseguir uma das internas para provar que o tratamento daria certo. O que Shepherd não sabia, era que Morgan tratava  uma interna em especial desse modo, mas nada adiantara. Isso o frustou a ponto de tratar as outras com tamanha brutalidade.

Shepherd mantinha um segredo muito grande escondido de todos naquele hospital, sua vontade em salvar alguma paciente de sua insanidade dava-se por seus pecados, ele queria se redimir. Nada melhor do que salvar uma vida, não é?! A primeira interna que ele vai usar de cobaia para seu experimento, é uma jovem pálida de cabelos escuros, que não lembra nem seu nome. A única coisa que essa jovem se lembra é que ela é impermitida a aprender a ler.


Shepherd acha que sua vida poderá se estabilizar enquanto ele está ali, até que um dia ele recebe uma correspondência, de uma moça a qual ele nunca ouviu falar, mas que diz ser sua noiva. Para tentar tranquilizar-se ele manda uma carta para ela, esperando que ela não responda. Acontece que ele precisa por um fim a isso, não poderá continuar com isso ou será descoberto.
Sua vontade em deixar seu velho eu falar começa a perturbar-lhe a mente. Ele não pode, irão encontra-lo e será desmascarado. O que Shepherd fará para salvar sua pele?

Jane Pomba, é uma menina que não sabe como e por quê foi parar na ilha. Mais esperta do que muita atendente que trabalha naquele hospital, Jane torna-se a cobaia de um certo doutor. No começo do tratamento ela tem seu quarto modificado, seus horário, não precisará ficar com as outras internas. Mas de todos os benefícios que ele dá a ela, o que ela mais gosta- e onde mais fica- é na biblioteca. Mesmo que não saiba ler, Jane passa suas manhãs na biblioteca inventando histórias para as figuras que ela vê nos livros. Um dia, ela está a procura do dr. Shepherd e vai até seu quarto. Jane nota a existência de um livro em cima da cômoda, ao mexer nele ela descobre um recorte de jornal, nesse recorte contém o segredo de um homem. Ao sair do quarto, ela se depara com o doutor e diz que estava a sua procura..

Com o fim antecipado do inverno, Shepherd precisa sair da ilha urgente. Quando a neve derretesse, um corpo seria revelado e sua  identidade estaria revelada junto. Ele precisava de um plano.
Ele estava determinado a tirar Jane Pomba da Ilha, confiante de que ela não lera aquele recorte-afinal, ela não sabia ler- ele precisava tirá-la de lá. Correndo contra o derretimento da neve, Shepherd usou o segredo de Morgan para fugir da ilha. Ele descobriu o segredo-a amada- de Morgan por um leve descuido de O'Reilly- enfermeira chefe, que cuidava do segredo de Morgan.

   
 A menina que não sabia ler, no meu ponto de vista, teria tudo para ser um dos melhores livros, mas, ambos os volumes tiveram um final parcialmente inconclusivo. O primeiro volume termina com a fuga da Jovem Florence, sendo que ele continha um mistério gigantesco, que não fora revelado, esperei poder ter a revelação no segundo volume, mas me deparei com uma história totalmente diferente. O segundo volume não veio muito atrás do volume 1, rodeado de mistérios, para descobrir uma parte do quebra cabeça do primeiro volume você tem que se atentar muito para os pequeníssimos detalhes.

 Não se pode dizer que o livro é ruim, mas poderia ser muito melhor se todos os mistérios fossem resolvidos.
Tenham uma boa noite!
Classificação: 3/4

 E aí, o que achou? Dará uma chance ao livro? Deixe seu comentário! 
Beijos, Amanda. ❤️

Resenha: Amor Imortal

Oláaa leitores! Tudo bom? A resenha de hoje é do livro Amor Imortal da Novo Conceito. E antes de começar já vou dizendo, eu gostei muito e tenho algumas observações a fazer, mas amei a história. E bom, se você curte anjos caídos, almas gêmeas, mistérios, e no poder do amor capaz de mudar tudo, com certeza vai gostar desse romance que já chama atenção pela belíssima capa. Você está no lugar certo e na hora certa! Então vamos a resenha!


Anna Bonnier perdeu o pai recentemente e está muito abalada. Tentando recuperar um pouco a sua felicidade, ela e sua amiga Loreta viajam para uma estação de esqui em Aspen. Lá ela também conhece Erick e Marcos, dois caras misteriosos e muito atraentes. Marcos demonstra interesse por Loreta e Erick, por ela. Eles a seguem por todos os lugares.

Mas a intuição de Anna diz que eles não são confiáveis, ela sente algo estranho quando eles estão por perto, nada agradável. Porém Loreta insiste para que a amiga deixe de tanta desconfiança, e abra seu coração mais uma vez e deixe de duvidar do mundo.

"Mas a justiça é divina. A vingança é traidora, nos leva a um lugar sombrio, sem retorno".


Em meio à tantas dúvidas que Anna conhece Raziel, uma homem elegante, enigmático e perigosamente sexy, no hotel em que está hospedada. Ao conhece-lo, Anna que há muito tempo não se envolve com ninguém, se sente atraída por esse homem, que consegue envolve-la pela sua beleza e sedução. Mas não só por isso, Anna sente uma estranha sensação  de familiaridade toda vez que estão juntos.


Anna prevê que Raziel mudará sua vida. E já não sente um vazio dentro de si, quando está com ele. Seu coração não se engana e ele modifica algo dentro dela. Ela segue seus instintos que gritam dizendo que ela deve ficar ao lado dele.


Anna começa a ter lampejos de memória sobre seu passado e que a tira completamente da realidade. A história se passa entre os anos de 1913 e 2015. Raziel e Anna são almas gêmeas que se separaram brutalmente no passado. E que agora vão fazer o possível e o impossível para ficarem juntos novamente.


"Não me importa se existe algum risco. Preciso mudar a minha vida, preciso ter coragem, seguir minha intuição. Não quero viver me sentindo morta por dentro. Nunca desejei um homem assim, nunca".


Duas almas, dois amores, que terrivelmente sofrem para ficarem juntos desde séculos passados, e agora vão lutar contra os seres do mal, mais forte do que eles, para ficarem juntos para sempre. 

Será que o amor dos dois prevalecerá? Só um amor imortal poderá sobreviver. 
****
O livro é narrado por Anna, e a leitura é bem fluida. Com partes sensuais, mas muito bem escritas, sem ficar algo exagerado e muito erótico.

A Ana Carolina K.J conseguiu mesclar muito bem os assuntos, que resultam em um livro muito agradável e rápido de ler.
Porém, na minha opinião, gostaria que o romance fosse prolongado um pouco mais, e que as coisas não tivessem ocorrido de forma tão rápida. Mas isso não prejudica o enredo e nem a leitura, vai depender do gosto de cada um.

Os cenários e as belezas que vão do Rio de Janeiro à Paris é encantador. Um completo mergulho no livro sem nem você perceber.

Para uma autora iniciante e sendo seu primeiro romance de ficção, está de parabéns! Já quero ler mais histórias escritas pela Ana Carolina, rs!

Várias partes indicam que esse não é o fim, e tem muita coisa por vir e deixam em aberto pequenas brechas para uma possível continuação.

E se você leitor ainda tem algum "preconceito" com livros nacionais, vamos dar uma chance! Os autores nacionais estão me surpreendendo a cada dia. Muitos leitores falam que estão cansados e que já tem uma grande quantidade de livros com essa mesma temática no mercado, isso é verdade. Mas para quem gosta assim como eu, vou sempre ler :D

Amor Imortal é um livro para você que está com pouco tempo para ler, e deseja se aventurar numa ótima história, rápida e envolvente, então não perca mais tempo. E é claro se você gosta de fantasia, romance, mistérios e sedução, então vai amar esse livro!


Classificação: **** (4/5)

E aí você já leu!? O que achou? Deixe seu comentário!

Beijos e até a próxima!
-Lili

Resenha: O Bangalô

Olá pessoal, estive um tampão afastada do blog por motivos escolares. Semana de provas, despedidas, preparação para formatura e muito chororô rs. No entanto, voltei com a resenha de um livro lindo !! Tanto em aparência, quanto em história. Todos já ouvimos falar sobre guerras, mas e a união de guerra e romance? Já também ! Mas não da forma que é contada essa história. Vamos lá, vou contar para vocês a incrível e confusa história de Anne.


Anne é uma linda jovem de 21 anos, que mora com seus pais em Seattle-EUA. Tem uma vida que toda menina de sua idade almeja: uma família perfeita e um noivo bem-sucedido. Mas será que isso bastava para ela?
Por toda infância Anne teve a companhia de sua amiga Kitty, uma menina linda que se transformara em uma linda moça. Kitty tinha seu charme com os homens, conhecia os pontos fracos de cada um, e isso incomodava Anne, ela queria que sua amiga se portasse mais como uma dama, mas Kitty dizia que Anne deveria se entregar as aventuras da vida, se apaixonar de verdade, como poderia estar a pouco de seu casamento sem ao menos poder certificar-se de que Gerard era mesmo o amor de sua vida? Mas ela sabia. E dizia para todos que contestasse seu amor. Ele era dela, e ela dele. Nada poderia mudar isso. Nada.

"Nunca se pode desempenhar um papel na vida, especialmente no amor."

Kitty amava demais sua amiga para vê-la infeliz e tentou- mesmo sem perceber- mostrar a Anne o que era paixão, o que, segundo Kitty, faltava no relacionamento de Anne. Mas Anne descordava. Depois da conversa que teve com Kitty, Anne começou a ter "conflitos internos" com relação a seu noivo, queira sentir que ele estava apaixonado a ponto de fazer loucuras por ela, que ele largaria o Banco em um dia de semana se fosse preciso estar com ela, atoa, sem nada a fazer. Queria ser como Kitty nesse ponto, poder sentir que está sendo amada. Ela sabia que Gerard a amava, mas e a paixão? O calor? Existira?
Com tantas preocupações ficou fácil para a governanta da casa, Maxine, descobrir o que a incomodava. Maxine sempre cuidou com todo amor e carinho de Anne, mas que ela preferia chamar de Antoinette.


No dia de sua festa de noivado, Anne percebeu que sua amiga não estava presente, o lugar que pertencia a ela estava vazio, e isso a preocupou. Mais tarde, Kitty apareceu no portão da festa e chamou a atenção de Anne. Quando esta chega perto de sua amiga, vê que Kitty está chorando, chorando muito. Após conversar com Anne, Kitty revela que ira para Bora Bora, uma ilha localizada no Oceano Pacífico. A guerra estava se agravando e precisavam cada vez mais de enfermeiras, como ela seria a única a não tocar sua vida, resolvera ir.
 Por ser uma ótima amiga e, no fundo, saber que precisava de uma aventura, Anne cancela seu casamento- que estava marcado para poucos dias depois da festa de noivado- para mais tarde. Ela sabia que amava Gerard e que ele a amava, que mal havia em esperar um pouco de tempo mais? Mas por quê não tornar oficial, como Gerard havia proposto? Por que não ir para uma ilha com tantos soldados, casada?


Ao deportarem na ilha, as enfermeiras foram muito bem recepcionadas e aclamadas. Um mar de uniformes a aguardavam. Kitty já chegou causando com os homens, incluindo o almirante. Anne passa os dias se segurando ao anel de noivado, de um ouro tão reluzente quanto o sol.

"Essa ilha tem o poder de mudar as pessoas"

Depois de uns dias na Ilha, elas vão fazer um passeio pela praia, mas Anne vai caminhar um pouco sozinha, deixando Kitty com Lance- seu par romântico- e um casal de amigos. Ao caminho ela encontra um homem, o mesmo homem que a defendera na festa de boas vindas às enfermeiras. Westry estava lá, com seu sorriso encantador, e a convida para um conversa. Depois de sua conversa, ele oferece-se à leva-la de volta. No meio do caminho, adentro da floresta, eles encontram uma casinha abandonada, um Bangalô, Westry sugere que eles reformem o local, e que ali seja o esconderijo de ambos. Anne cora com essa proposta, mas ela percebe que nada aconteceria ali, seu amor era por Gerard, fora a ele que ela prometera amor infinito, e não a Westry, ali seriam dois amigos, reformando um lugar com tantas histórias de alguém. E que viria a ser deles também. Anne concorda, até porque, Kitty estava tão mudada e ocupada com Lance, que ela precisaria ter o que fazer quando sua amiga não tivesse tempo para ela. E isso estava ocorrendo com muita frequência.



   O Bangalô é contado através da visão de Anne, ela conta sua história para sua neta Jennifer, quando esta lhe entrega uma carta que veio da Ilha. Reascendendo dentro dela tudo que vivera naquela época. Além da interessante história de Anne, temos o grande conflito que ocorrerá no casamento de seus pais, o final de Mary, sua doce e mais nova amiga. E o que será de Kitty?
Anne deverá fazer uma grande escolha entre Gerard- o noivo bem sucedido que se alistara depois que ela partiu para Bora Bora- ou Westry- o soldado que abalara seu coração, fazendo-a sentir a verdadeira paixão que Kitty sempre falara que faltava em sua relação com Gerard.

Bom Leitores, eu espero que vocês gostem da resenha. Que leiam o livro, e se apaixonem por essa incrível leitura. SARAH JIO, a escritora desse livro, soube perfeitamente bem  como prender a atenção dos leitores, e de como cativar nossos corações. Tenham um ótimo finalzinho de sábado! <3

classificação: 5/5 (Favorito) 


Beijos, Amanda. ❤️

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo